O verão está chegando, na verdade, em minha região (Nordeste), é praticamente verão o ano inteiro. Para entrar no biquíni, fazer bonito e sentir-se bem, com força de vontade, e fazendo tudo certinho, com certeza conseguiremos.

Pesquisei algumas dicas  da revista “Toda Extra”, para compartilhar e ajudar vocês a ficarem lindas e com a autoestima em alta  neste verão.

O primeiro passo deve ser em direção ao médico, para fazer um check-up e saber como o corpo está. Uma questão fundamental é respeitar os limites: não adianta correr antes de caminhar, porque pode causar alguma lesão — explica Xande Negão, personal de Gracyanne Barbosa, que garante: — Com disciplina, é possível mudar bastante o corpo em quatro meses.

Outro ponto importante é saber o que comer antes e após o treino, para que o organismo responda bem aos exercícios.

— O ideal é consumir algum carboidrato completo, como a batata-doce, antes de se exercitar, para não correr o risco de ter uma hipoglicemia (queda do nível de açúcar no sangue) e passar mal — explica a nutricionista Camila Monteiro Ferraiuolo.

Rafael Lund, personal da atriz Deborah Secco, ressalta que malhar é mais do que ganhar massa magra e ficar com a barriga dividida. “É melhorar a aptidão física, a força, a flexibilidade e a resistência. Por isso é tão importante ter um treino individualizado, porque cada pessoa precisará de exercícios específicos para conquistar todas essas aptidões. Outro ponto importante é variar o treino, no máximo, a cada dois meses. É esse o tempo aproximado que o corpo leva para se acostumar com os exercícios e você deixa de ver ganho muscular. Caso você esteja treinando em casa, assim que sentir que faz o treino com facilidade, pode trocar”.

Intercalar durante a semana o treino intervalado, de 20 minutos, com o contínuo, que dura uma hora, também é bom. “Como alguns hormônios só são liberados à noite, o ideal é dormir oito horas sempre que puder para conseguir um bom rendimento. E não adianta fazer mil abdominais se não fizer um treino para queimar a gordura que fica em cima do músculo.

Agora, se quiser treinar na academia, saiba que malhar três horas por dia não vai te deixar sarada mais rapidamente. “Não precisa passar de uma hora. Quem está começando pode fazer em dias intercalados, porque o músculo precisa de descanso para reagir ao estímulo. Por isso a importância de diversificar o treino”, explica o personal de Gracyanne, que indica seis exercícios para quem quer ficar com o bumbum e as pernas bonitas.

PUBLICIDADE

A nutricionista Camila Monteiro Ferraiuolo, coordenadora da Take Care Rio Sport, ressalta que é comum as pessoas esquecerem de beber água no inverno, o que não pode acontecer. A ingestão de água ajuda no combate à celulite: “Muitas vezes, a pessoa acha que está com fome quando, na verdade, está com sede. É importante as pessoas entenderem também que fazer dieta não é cortar tudo, mas saber substituir. No lugar de usar um achocolatado comum para fazer um chocolate quente, use um fitness ou derreta uma barra com cacau a 60%. O ideal é comer a cada três horas e evitar essa história de abusar num dia e ficar em jejum no outro para compensar. Ao fazer isso, em vez de queimar, o corpo armazena mais gordura. A alimentação nos horários corretos aceleram o metabolismo. Aderir às fibras e às frutas com casca ajuda a aumentar a sensação de saciedade. Todos devem dar preferência a alimentos naturais”.

Agora é só seguir as dicas do Projeto Verão, e entrar naquele biquini e arrasar!

Fonte: Revista Toda Extra

Projeto Verão

Psicopedagoga, Psicanalista Clínica, Palestrante, Bacharel em Administração de Empresas, Professora do município de Juazeiro-BA na área de Atendimento Educacional Especializado, Escritora/poetisa com livro publicado pela Editora Baraúna e CBJE.
Compartilhe:
Projeto verão: Como tirar nota 10 no teste do biquíni.