Olá pessoal, fiz este vídeo para partilhar com vocês um atendimento que resultou numa prática exitosa com um adolescente que apresenta um quadro (diagnosticado) de TDAH e Dislexia.

Num primeiro momento este adolescente apresentava baixa autoestima, ansiedade, agressividade extrema, dificuldade em sua aprendizagem, pois o mesmo aos 15 anos de idade não conseguia escrever seu nome completo, apenas o primeiro nome, em letra maiúscula e o sobrenome apenas copiado e não mostrava interesse em aprender (bloqueio), com o agravante que seus pais já desesperançados e desesperados o haviam tirado da escola.

A minha grande vitória diante deste cenário que me fora apresentado é que mesmo este adolescente tendo TDAH e Dislexia, após alguns meses de intervenção (em 2 meses já apresentava melhoras significantes), ele conseguiu melhorar na questão emocional que estava abalada, já escreve seu nome completo em letra cursiva e sem copiar de outra pessoa, consegue escrever frases pequenas, lê palavras simples até trissílabas e está iniciando a leitura com palavras complexas.

PUBLICIDADE

Segundo seus pais o meu atendimento seria a última opção de ajuda, pois, já não acreditavam em um avanço na área cognitiva do seu filho, hoje, sentem-se seguros e acreditam que seu filho aprende e é capaz de exercer plenamente sua cidadania.

Tenho contado com a parceria dos pais deste adolescente os quais os oriento como lidar com seu filho em casa e fazer as atividades com ele, além de trabalhar o emocional com ambos. Este relato foi autorizado pelos pais para que sirva como exemplo que crianças /adolescentes ou adultos com este transtorno, podem aprender, pois, com estratégias, atividades, paciência, dedicação e muita afetividade Todos aprendem e são capazes sim.

Assista ao vídeo e assine meu canal no YOUTUBE:

 

Psicopedagoga, Psicanalista Clínica, Palestrante, Bacharel em Administração de Empresas, Professora do município de Juazeiro-BA na área de Atendimento Educacional Especializado, Escritora/poetisa com livro publicado pela Editora Baraúna e CBJE.
Compartilhe:
Vídeo de uma prática exitosa (Atendimento) com cliente – TDAH
Classificado como:
  • Ruth

    Boa tarde, gostei muito do relato da profissional que trabalhou com esse adolescente.
    Tenho um adolescente como ele em minha turma de segundo ano e apesar de todas as estratégias que uso com ele, não tenho conseguido resultados positivos.
    Gostaria de saber, se possível, que atividades escritas foram utilizadas com ele, pois as emocionais sei quais usar.
    Agradeço desde já.
    Ruth

    • Olá Ruth, em breve estarei disponibilizando mais atividades. Abçs