Você tem dúvida sobre como utilizar as estampas, e os acessórios como usar? Dá certo usar dourado com prateado?

Muita gente não tem senso de moda e acaba se enrolando na hora de tomar decisões fashions.

Vamos algumas dicas que podem ajudar:

É legal usar roupas que sejam tendências, mas, cuidado nas escolhas das roupas que estão na moda. Nem sempre o que funciona para as modelos que está com tudo na estação vai funcionar também pra você. Prove e veja se convêm. Por exemplo, se estiver em alta uma estampa que engorda, não compre um vestido inteiro dessa estampa, aposte na estampa em acessórios ou detalhes.

Prefira vestir-se de modo  a esconder seus defeitos. A cor certa pode fazer sua pele parecer mais bronzeada ou ressaltar seus olhos, emagrecer ou esconder a barriguinha. O cumprimento e o tamanho certo das roupas podem disfarçar seu sobrepeso e te alongar.

Busque ficar bonita e na moda, mas prefira sempre as peças de roupas na quais você se sente confortável.

Sempre adicione acessórios de acordo com as roupas que estiver usando. Quando usar decotes, o colar deve estar 3 dedos acima ou abaixo do decote. Se usar gola alta, invista no brinco e dispense o colar. Nada de mesclar bijuterias douradas e prateadas.

Seu senso de moda deve te guiar na boa escolha das roupas de acordo com a ocasião e o lugar onde você estiver indo. Para formar seu look, pense se precisa de um estilo formal ou casual, roupas alegres ou neutras.

Penteado e maquiagem também ajudam a valorizar o seu look. Pense em conjunto. Decida as cores, os estilos como um look geral. Se sua roupa for colorida, invista em maquiagem em tons básicos como terra. Se você estiver usando roupas sérias, faça um penteado que siga o mesmo estilo.

Acredite, a moda exige bom senso e estilo.

PUBLICIDADE

senso de moda

Psicopedagoga, Psicanalista Clínica, Palestrante, Bacharel em Administração de Empresas, Professora do município de Juazeiro-BA na área de Atendimento Educacional Especializado, Escritora/poetisa com livro publicado pela Editora Baraúna e CBJE.
Compartilhe:
Você tem “senso” de moda?