… Olá? Você está me escutando? Eu sempre pergunto a mesma coisa! Isso é muito importante para mim e parece que você está em outro planeta…

TDAH

Você já passou por isso alguma vez? Você está falando, e a pessoa parece não ouvir, só consegue olhar quando você já fica chateado (a), e muitas vezes este olhar  não é de atenção, está olhando através de você. Essa pessoa que você ama tanto tem Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade ou TDAH, e embora você fique nervoso (a) ou estressado (a) ou até mesmo fique com raiva, não tem como evitar é necessário entender este transtorno e aprender a viver com esta pessoa, apesar do TDAH. ADD ou Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é um distúrbio comportamental caracterizado pela distração destes; uma baixa tolerância à frustração, tédio e fortes mudanças comportamentais. Enquanto algumas atividades podem realizá-los totalmente, outras são mais complicadas. Quanto ao relacionamento emocional, ele pode ser um desafio para quem lida emocionalmente com uma pessoa dom TDAH, ou uma criança com este transtorno. Para alguém com TDAH, tudo se intensifica e amplia; e, por outro lado, sua mente nunca está em paz, porque sua mente está sempre à procura de soluções, questionando, criando.

Quer seja na questão de relacionamento emocional (namorado (a), esposo (a) ou filho), que apresenta TDAH, não será fácil o convívio com eles. Se você sabe o que você está enfrentando, você conhece as características e entende como se sente uma pessoa com TDAH, você pode fazer esta montanha russa de emoções um passeio muito mais agradável, ou pelo menos previsível, como você aprender a gerir a sua tolerância, compaixão e paciência, a fim de alcançar relações calmas e agradáveis.

 

Veja as principais características que definem uma pessoa com TDAH:

TDAH

  1. Ter uma mente ativa.

Seu cérebro não para nunca. Não há on / off. Se você entender isso, tudo será muito mais fácil.

  1. Eles escutam, mas não absorvem o que você está dizendo.

Uma pessoa com este transtorno pode estar observando de perto, mesmo concordando ou comentando.  Mas depois de cinco minutos, sua mente vai estar em outro lugar. Embora continue ali em pessoa, a realidade é que sua  mente pode estar a de anos-luz de distância. Enquanto você espera que eles estejam ouvindo cuidadosamente cada uma de suas palavras, a mente deles pode se concentrar em seu cabelo, ou como seus lábios se movem, mas não o que sai deles.

  1. Tem dificuldade de concentração em uma tarefa

Em vez de se concentrar no que está diante de seus olhos, uma pessoa com TDAH estará observando as cores da parede, a caneta, a pessoa que acabou de entrar … Tudo é perturbador.

  1. Eles ficam ansiosos com facilidade
  2. Não conseguem se concentrar, se eles estão emocionalmente perturbados, ou seja, ou seja, se estão tristes, eles não param de pensar no que os incomoda, de modo a manter uma conversa ou trabalhar, o que se faz quase impossível.
  3. Eles se concentram muito intensamente no que lhes interessa.
  4. Eles são incapazes de regular as emoções

Para alguém com TDAH, as emoções estão fora de proporção: eles não podem se conter. Entre as suas mentes brilhantes, sentimentos são difíceis de processar, ao contrário de outros pensamentos.

  1. Eles são extremamente impulsivos

Da mesma forma que lhes custa regular as emoções, pois são muito impulsivos, eles dizem o que pensam, sem qualquer filtro, o que muitas vezes vêm a se arrepender de suas palavras. É impossível para eles “editar” as palavras antes de liberá-las.

  1. Eles têm ansiedade social

O que significa isto? Eles têm medo de suas reações extremas, o impacto que pode causar na sociedade; pois, podem dizer algo impróprio ao momento ou ter uma reação exagerada.

  1. Eles são muito intuitivos

Eles veem além das coisas. Este recurso ajuda a se tornar incrivelmente criativos gênios, artistas, músicos e escritores.

  1. Pensam fora da caixa

Pensam de forma diferente, buscando soluções concretas aos problemas.

  1. Eles são impacientes e nervosos

Eles não têm paciência para as coisas; tudo tem que ser feito imediatamente. Além disso, constantemente eles têm que ter algo em suas mãos, a ser brincando com o telefone, tocando seu cabelo, batendo o pé … estão em constante movimento.

  1. Fisicamente, eles são muito sensíveis.
  2. São desorganizados

Será que eles acabam o trabalho? Vários papéis acumulam em uma enorme pilha sobre a mesa e pode ficar lá semanas, enquanto isso a pilha de papéis continua a crescer. Manter as coisas em ordem é um desafio, porque, como sua mente não funciona de uma forma ordenada, seu ambiente pode facilmente cair em desordem.

PUBLICIDADE
  1. Eles precisam de espaço para se movimentar

Ao falar no telefone, ou iniciar uma conversa, eles precisam estar em movimento; isto os acalma e lhes dá clareza de pensamento.

  1. Não lembram tarefas simples

Algo tão simples como fazer uma limpeza a seco, ir comprar leite, ou se lembrar de um compromisso, pode custar-lhes um monte de trabalho. No entanto, eles se lembram facilmente das coisas como um comentário, uma data ou número de telefone que ouviram durante o dia.

  1. “Fazem mil atividades ao mesmo tempo”

Devido à atividade mental constante e acelerada, nem terminam uma tarefa e já começam a fazer a seguinte sem nenhum problema, ou até mesmo executar as duas ao mesmo tempo.

  1. Eles são apaixonados pelo que fazem

Tudo o que passa por sua mente é emocionante; pensamentos, palavras, sentimentos. Tudo ampliado. Isto, bem canalizado, é uma bênção. Quando uma pessoa com TDAH faz algo, ela dá todo o seu coração e alma. Elas dão tudo o que têm e muito mais. Estas pessoas são intensas, perspicazes e profundas. É por isso que as pessoas com TDAH fazem tudo com amor.
Convido a todos vocês envolvidos no processo de aprendizagem de crianças, adolescentes e adultos, a conhecerem o E-book “Dislexia, Transtorno ou Talento?” Cujo objetivo é justamente demonstrar através de conhecimento, estratégias e atividades que todas as crianças possuem talentos e a forma como devemos despertá-lo. Tenho certeza que todos que o adquirirem terão outra visão da Dislexia e consequentemente através do seu conteúdo e aplicação suas práticas com estas crianças serão exitosas.

banner_dislexia_300_250

Vejam muito mais conteúdos com estratégias e atividades no Curso Dislexia Estratégias e Atividades, destinado a pais, professores, fonoaudiólogos, psicólogos escolares, psiquiatras, pedagogos, psicopedagogos, especialistas de atendimentos educacionais (AEE), TO’s, e as próprias pessoas com o transtorno. Contêm muitas informações relevantes, estratégias e muitas atividades que podem ser aplicadas de forma lúdica e criativa, promovendo deste modo a aprendizagem da criança, por pais, e professores, visando auxiliar os mesmos em suas práticas diárias.

Como bônus você levará 2 E-BOOKS, o e-book CIRANDA – Ensinando com rimas, que contêm poesias educacionais, sugestões de atividades e atividades (modelo) que podem ser trabalhadas com todos os alunos, e o e-book Déficit de Atenção ou TDAH. São inúmeras vantagens para você. ADQUIRA JÁ!

 

Curso de Dislexia Online

 

 

Se você quiser aprender mais sobre TDAH aproveite e inscreva-se em nosso curso de TDAH Estratégias e atividades Inédito + Bônus de um e-book Trabalhando as emoções das crianças. Está imperdível, ADQUIRA JÁ!

banner_300x250_tdah_bonus

No intuito de auxiliar a pais, professores e as crianças, escrevi o e-book “Atividades exitosas” (91 páginas) em que reuni atividades criativas de fácil aplicação além de estratégias. De bônus os presenteio com o e-book “Ciranda” (48 páginas) onde podemos ensinar através de poesias e rimas, com sugestões e modelos de atividades. Este material foi escrito com muito carinho e dedicação, tenho certeza que será muito proveitoso, e se for bem aplicado se refletirá na real aprendizagem dos alunos, em especial aqueles que têm TDAH, Dislexia ou outros Transtornos de aprendizagem.

banner_ebook_atividades_300_250

Se você ainda não possui, adquira já o e-book “O Menino Que Não Tinha Jeito” e como bônus ganhe o e-book completo “Déficit de Atenção ou TDAH”:

ebook_o_menino_que_nao_tinha_jeito

Psicopedagoga, Psicanalista Clínica, Palestrante, Bacharel em Administração de Empresas, Professora do município de Juazeiro-BA na área de Atendimento Educacional Especializado, Escritora/poetisa com livro publicado pela Editora Baraúna e CBJE.
Compartilhe:
18 importantes características para você lembrar se ama alguém com TDAH
Classificado como: